Quem Somos

Associação Brasileira de Enfermagem – ABEn Nacional

Em 1926, as primeiras Enfermeiras formadas pela Escola de Enfermeiras do Departamento Nacional de Saúde Pública, atual Escola de Enfermagem Anna Nery, no Rio de Janeiro, criaram a Associação Nacional de Enfermeiras Diplomadas. .Quando o Estatuto foi reformulado, de 1954, recebeu a atual denominação: Associação Brasileira de Enfermagem. O Estatuto Social atual é de 2018. Foi filiada ao Conselho Internacional de Enfermeiras (CIE) de 1927 a 1997. É sócia fundadora da Federación Panamericana de Profesionales de Enfermería (FEPPEN), atuando como organização membro representativa de seus associados, desde 1970; sediou o Comitê Executivo da FEPPEN entre 1996 e 2004. 

 

É sócia fundadora do Museu de Enfermagem Anna Nery (MuNEAN). É filiada à Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC) desde 1974. É filiada à Associación Latino-Americana de Escuelas e Faculdades de Enfermería (ALADEFE), desde 2010. 

 

A ABEn Nacional tem sua sede em Brasília, Distrito Federal.
A ABEn congrega Enfermeiros, Técnicos de Enfermagem, Auxiliares de Enfermagem, estudantes de Educação Profissional em Nível Técnico de Enfermagem, Graduação e Pós-Graduação em Enfermagem, Escolas, Faculdades, Cursos ou Departamentos de Enfermagem e Sociedades e Associações de Enfermagem ou de Enfermeiros Especialistas.

 

Organiza-se por meio de suas Seções (com suas diretorias próprias) e dos Núcleos a elas vinculados, no Distrito Federal e em cada estado da federação brasileira, sob a direção de uma Diretoria Nacional. Tem caráter não-governamental e de direito privado, é reconhecida como de Utilidade Pública, conforme Decreto Federal Nº. 31.417/1952.

Pautada em princípios éticos e em conformidade com as suas finalidades, a ABEn tem como eixo nuclear a defesa e a consolidação da enfermagem como prática social, essencial na assistência à saúde e à organização e funcionamento dos serviços de saúde e o compromisso de propor e defender políticas e programas que visem à melhoria da qualidade de vida da população, contribuindo para que o SUS possa garantir acesso universal e equânime.

Para mais informações visite o site da ABEn Nacional:

Associação Brasileira de Enfermagem – Seção Minas Gerais

No ano de 1947, nas dependências do internado da Escola de Enfermagem, ocorreram as sessões de eleição e posse da primeira Diretoria da ABEn MG, com a presença de 13 enfermeiras, sob a liderança de Waleska Paixao, então diretora da segunda escola de enfermagem nightingaleana do Brasil, a Escola de Enfermagem Carlos Chagas – EECC – hoje Escola de Enfermagem da Universidade Federal de Minas Gerais – EEUFMG.


Oficialmente fundada em 04 de janeiro de 1947, a ABEn Seção Minas Gerais (ABEn-MG) é uma das 25 seções estaduais que a ABEn Nacional tem atualmente.
Foram sedes temporárias da ABEn-MG a EECC, a Secretaria de Saúde e Assistência, a Santa Casa de Misericórdia, o Hospital São Vicente de Paula – atual Hospital das Clínicas da UFMG entre outros. Somente em 1964, na gestão de Clelia Luisa Gonçalves Pinto foi inaugurada a primeira sede, um apartamento no centro da Capital. Na sua segunda sede, adquirida na gestão da Profª Maria Jose da Silva, constituída por um conjunto de quatro salas, no centro de Belo Horizonte, a ABEn-MG funcionou de 1984 a 1999, quando foi adquirida a sede atual, na gestão de Zulmira Eliza Vono Raimundo. A sede atual é composta de quatro salas, área de convivência e varanda, e está situada na Avenida Alvares Cabral nº 906, Bairro Lourdes, Município de Belo Horizonte.


Dentre os grandes feitos das gestões da ABEn-MG vamos ressaltar algumas conquistas, uma vez que seria impossível citar todas.
A primeira gestão da ABEn-MG teve a preocupação de organizar uma biblioteca e promover a aquisição de livros, demonstrando sua preocupação com o desenvolvimento científico da profissão. Também foi responsável pela criação de um curso para a formação de enfermeira chefe.


Logo após, um feito importante, de repercussão nacional, em um esforço conjunto com a ABEn Nacional, foi a promulgação da Lei 775/49 que dispunha sobre o ensino de enfermeiras e de auxiliares de enfermagem no Brasil. (BRASIL, 1949). Localmente, foi importante a criação da primeira regional da ABEn no país, em Juiz de Fora, sob a liderança de Celina Viegas. Anos depois, foi criada a Regional de Uberlândia. Em Ao longo dos anos, foram realizados 05 (cinco) Congressos Brasileiros de Enfermagem (CBEn) em Belo Horizonte: VIII CBEN, tendo como Tema Oficial “O papel da enfermagem no programa de assistência médico-hospitalar”; XIII CBEn, cujo tema central foi “Sindicalismo”; 24
° CBEn com os temas “Formação dos profissionais de enfermagem nos três níveis”; “Exercício profissional”; “0 enfermeiro e a comunidade”; e “Recentes pesquisas em enfermagem”; 36° CBEn sendo o tema central “Saúde e Trabalho: desafio para a enfermagem” e esse Congresso foi palco de caloroso embate político entre posições contrárias em relação a forma de atuação política da ABEn Nacional; 49° CBEn, com o tema central “Enfermagem nos caminhos da Liberdade” e as atividades comemorativas dos 50 anos da ABEn-MG; 60º CBEn quando foi abordado o tema central “Espaços de cuidados, espaços de poder: enfermagem e cidadania”.


Outros eventos em destaque foram o V Seminário Nacional de Pesquisa em Enfermagem, o Congresso Estadual de Administração em Enfermagem e o VI Encontro Nacional de Enfermeiras de Hospitais de Ensino, além das Jornadas Mineiras de Enfermagem e Comemoração da Semana de Enfermagem.

QUADRO – Presidentes da ABEn-MG por período de gestão.
Período AnoPresidente
1947-1949Waleska Paixão
1949 a 1950Noemi Geny dos Santos
1950 a 1952Ir. Helena Maria Villac
1952 a 1954Marina Andrade Resende
1954 a 1957Ophelia Drumond de Andrade e Nahir Rodrigues da Cunha
1957 a 1958 e de 1958 a 1960Ir. Maria Cecilia Bhering
1960 a 1962Maria Valderez Borges
1962 a 1964Ir. Maria Teresa Notarnicola
1964 a 1 966 e de 1966 a 1968Clelia Luísa Gonçalves Pinto
1968 a 1 970Enny Ennes
1970 a 1 972Izaltina Goulart de Azevedo
1972 a 1976Aguida Stemler de Oliveira
1976 a 1980Enny Ennes
1980 a 1984Maria Jose da Silva
1984 a 1986Dulce de Castro Mendes
1986 a 1989Maria Jose Cabral Grillo
1989 a 1992Maria Lídia de Queiroz Rocha
1992 a 1995Zídia Rocha Magalhães
1995 a 1998Laura Borja Perez
1998 a 2001Zulmira Eliza Vono Raimundo
2001 a 2004Maria José Antunes
2004 a 2007Alda 8 a 11 – Marta Pimentel
2011 a 2013Paula Cambraia
2014 a 2016Kênia Lara Silva
2016 a 2019Lívia Cozer Montenegro
2019 a 2020Quesia Nayrane Ferreira
2020 a 2022Maria Odete Pereira
Atual – de 2022 a 2024Quesia Nayrane Ferreira

Foto do acervo da EEUFMG

Waleska Paixão
 1ª Presidente da ABEn-MG

Diretoria

Diretoria Oficial Vigente no ano de 2022

Quesia Nayrane Ferreira de Sousa
Presidente

Isabel Yovana Quispe Mendoza
Vice-Presidente

Maria Carolina Costa Rezende
Secretária Geral

Ana Renata Moura Rabelo
Diretora Financeira

Simone Graziele Silva Cunha
Diretoria de Comunicação Social e Publicações

Amanda Márcia dos Santos Reinaldo
Diretora de Estudos e Pesquisa em Enfermagem

Maria Odete Pereira
Diretoria de Educação

Sandra Maria Coelho Diniz
Diretoria de Desenvolvimento da Prática Profissional e do Trabalho em Enfermagem

E-mail geral de contato

aben-mg@abennacional.org.br

Histórico

A Associação Brasileira de Enfermagem – ABEn foi fundada em 1926, sob a denominação Associação Nacional de Enfermeiras Brasileiras Diplomadas. A ABEn é uma Sociedade Civil, com personalidade jurídica que congrega Enfermeiros, técnicos de enfermagem, auxiliares de enfermagem e estudantes dos cursos de graduação e de
técnico de enfermagem, que a ela se associam, individual e livremente.

Tem número ilimitado sob a direção de uma Diretoria Nacional. É regida por estatuto e regimento
próprios e suas decisões, recursos e patrimônio são definidos, fiscalizados e controlados por instâncias de decisão, administração, execução e fiscalização, o que lhe confere
caráter não-governamental e de direito privado. Como entidade de âmbito nacional é reconhecida como de Utilidade Pública, conforme Decreto Federal Nº. 31.417/52, DOU
11/09/52.

A ABEn é uma organização membro da FEDERACIÓN PANAMERICANA DE PROFESIONALES DE ENFERMERÍA (FEPPEN) desde 1970, junto à qual representa a enfermagem brasileira. Sua natureza e finalidades conferem-lhe caráter cultural, científico e político. Pautada em princípios éticos e de conformidade com suas competências, a ABEn articula-se com as demais organizações da enfermagem brasileira com vista ao desenvolvimento político, social e científico da profissão que a compõem.

Tem como eixo nuclear a defesa e a consolidação da enfermagem como prática social, essencial na assistência à saúde e à organização e funcionamento dos serviços de saúde. A ABEn tem o compromisso de propor e defender políticas e programas que visem à melhoria da qualidade de vida da população, maior grau de resolução dos seus problemas de saúde, contribuindo para que o Sistema Único de Saúde possa garantir acesso universal e equânime aos Serviços de Saúde.

Com relação à ABEn-MG, está seção foi fundada em 04 de janeiro de 1947, pela enfermeira D. Valleska Paixão, e na atualidade é umas das 25 seções estaduais da ABEn, articulada em torno de uma direção nacional luta por um objetivo comum, contribuindo para a composição de uma entidade única.

+ 0
Eventos Representados
+ 0
Associados
Associe-se

Seja um associado ABEn-MG

Junte-se a nós e desfrute de todas as vantagens e benefícios que a nossa associação oferece.